Projeto Balaio Cultural realizam o II Circuito de Poesias

para site

No dia 22 de Agosto, dia dedicado ao Folclore, foi realizado o encerramento do II Circuito Estudantil de Poesias de Ouricuri. Ao som da sanfona do poeta e compositor Elmo Oliveira,o público presente dançou e cantou músicas que compõe o rico repertório cancioneiro nordestino.

O evento iniciou com um recital com a participação de poetas do município de Bodocó, além dos poetas ouricurienses que durante dez dias percorreram escolas municipais e estaduais, levando poesia e boa música. Participaram também estudantes das escolas onde o circuito passou. O II Circuito Estudantil de Poesias é idealizado pelo Professor e Poeta Juarez Nunes que sentindo a necessidade de resgatar a cultura Popular Nordestina nas escolas iniciou o movimento. O circuito faz parte de um projeto chamado Balaio Cultural que tem como objetivo divulgar e fortalecer a cultura popular nordestina, envolvendo artistas e admiradores.

O Balaio Cultural nasce da necessidade de articular artistas e amantes da cultura para discutir a pauta da valorização cultural no território do Araripe, a idéia é que o Balaio seja cada vez mais recheado de música, poesia, artesanato, comidas típicas e diversas manifestações culturais que resgatem e retratem as lutas do Povo do Araripe. “ A gente sabe que sozinhos não vamos muito longe, mas juntos nos fortalecemos e podemos fazer mais pela nossa cultura que nem sempre é respeitada como deveria, por isso estamos nos organizando nesse Balaio” Conta o poeta Ramirio Nunes.

Para o idealizador do Circuito Estudantil de Poesias Juarez Nunes o saldo é positivo. “É muito gratificante ver o público prestigiando esse trabalho que é feito com tanto amor. Fico muito feliz em ver os estudantes se envolveram cantando as músicas boas de forró que tem letra, que levam uma mensagem, outros estão escrevendo, recitando. Isso nos deixa com uma satisfação enorme, uma certeza que todo esse esforço valeu muito” Conta o poeta emocionado.

O II Circuito estudantil de Poesias contou com o apoio do SESC de Bodocó e da Prefeitura Municipal de Ouricuri. Os componentes do Balaio Cultural afirmam que as atividades de resgate e fortalecimento da Cultura terão continuidade e em breve haverá outros eventos que fortaleçam essa luta.

Bodocó sedia palestra e recital sobre mulheres e a poesia

A partir desta terça-feira (29) começam as atividades do Laboratório de Autoria Literária Marcelino Brígido, do Sesc Ler Bodocó. Para comemorar o início das ações de 2016 do laboratório serão realizados um debate sobre poesia e apresentações musicais. O encontro da terça-feira será no Hotel Bodocó, a partir das 19h e terá entrada gratuita.

A abertura das ações será feita com uma palestra com o tema “Poesia Substantivo Feminino” que terá a participação de Luna Vitrolira e Mariane Bígio, duas poetisas de Recife, capital do Estado. Além de discutirem a temática, as artistas vão recitar poesias durante o evento.

A programação segue com as apresentações musicais de Eliana Lopes, Rafaella Oliveira e Ivonete Ferreira. Durante o dia, Mariane e Luna estarão em escolas públicas da cidade realizando palestras com os alunos. A escolha de mulheres para falar de suas experiências no meio artístico é uma referência ao mês de março, considerado o “Mês da Mulher”.

Na cidade está prevista ainda uma programação cultural nos dias 31 de março e 1º de abril, durante a ‘Festa de Março’. Na quinta-feira (31), a partir das 16h, o grupo de dança e teatro Cia Traquejo, de Exu, no Sertão de Pernambuco, fará a apresentação do espetáculo “Relicário”, em um palco alternativo no Pátio de Eventos. Depois sobem ao palco os poetas Ramírio Nunes, Juarez Nunes e Elmo Oliveira, que farão um recital, e os violeiros Pedro Bandeira e João Bandeira.

Ainda como parte da programação cultural da Festa, o músico Cosmo Sanfoneira fará um show na Bodega do Forró, a partir das 22h do dia 31, e a Cia Soul Dance fará uma apresentação no dia 1º de abril, às 16h, no palco alternativo. (Do G1-Petrolina)