TSE detecta mais de 25 mil pessoas com títulos eleitorais duplicados

Após o cadastramento biométrico de cerca de 64 milhões de eleitores para a votação por meio de impressões digitais, a Justiça Eleitoral encontrou aproximadamente 25 mil registros de título de eleitor duplicados ou múltiplos, segundo Giuseppe Dutra Janino, secretário da Secretaria de Tecnologia da Informação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Segundo o responsável pela secretaria, uma única pessoa foi encontrada com 52 títulos de eleitor, em Goiás. “Ele tinha 52 títulos de eleitor, logo 52 identidades, 52 CPFs. Se tem 52 CPFs, poderia retirar 52 benefícios do governo como o Bolsa Família ou o INSS”. O cadastramento de biometria, diz, tem ajudado a encontrar fraudes no sistema documental do País. “Isso mostra a fragilidade documental brasileira e faz um saneamento na identificação, retirando esses cidadãos das práticas criminosas”.

O TSE informou que essas ocorrências serão enviadas ao juiz eleitoral da região do eleitor, para que ele possa avaliar se houve falsidade ideológica. A corte, então, pode determinar o cancelamento dessas inscrições. Além dos casos de falsa identidade, quando uma pessoa se registra com documentos falsos, os títulos múltiplos podem ser causados por duplo cadastramento, quando um eleitor faz a transferência de título e é cadastrado novamente; falso positivo, quando duas pessoas têm coincidência das digitais em um ou dois dedos; e erro de cadastramento durante o processo de registro biométrico.

O número de eleitores com a biometria cadastrada, até o momento, representa 44% das mais de 146 milhões de pessoas aptas a votar, e o objetivo é alcançar cerca de 80 milhões até o ano que vem. O cadastramento, porém, ainda não é obrigatório em todos os municípios. (Estadão)

Acidente na PE-590 em Ipubi deixa duas pessoas mortas

Imagem: WhatsApp

Francisco Jose da Silva, de 34 anos, e Maria do Socorro Soares Santos, de 43 anos, morreram em um acidente de trânsito, na noite de sexta-feira (15), próximo ao povoado de Serra Branca, em Ipubi, no Sertão do Araripe pernambucano. O casal estava em uma moto que seguia no sentido Ipubi / Serra Branca, na PE-590, quando colidiram com um caminhão que estava parado na pista, por problemas mecânicos.

De acordo com a Polícia Militar, o local não estava sinalizado e populares informaram, que o caminhão pertence ao senhor João Paulo, o mesmo não foi localizado. As duas vítimas não resistiram aos ferimentos e morreram na hora. A Polícia Civil esteve no local, onde realizou a perícia para remoção dos corpos.

Evento foi o maior realizado pela Diocese de Salgueiro desde a sua instalação e reuniu milhares de pessoas

14729194_121624468305099_6420593040654334477_n

Mais de dez mil pessoas participaram da cerimônia de laçamento da Pedra Fundamental da futura Igreja Catedral da Diocese de Salgueiro nessa última quarta-feira (12), Solenidade de N. Sra. Aparecida, Padroeira do Brasil. Numeroso contingente só se assemelha ao que compareceu a solenidade de instalação desta igreja particular e posse de seu primeiro bispo há recém completos seis anos. Toda estrutura foi planejada com grandiosidade para receber as caravanas que vieram de todo estado e redondezas, mais de oito mil cadeiras foram distribuídas ao longo do terreno onde será erguida a futura catedral e, mesmo assim, muitas pessoas tiveram que improvisar acento. A ideia de construção da nova catedral nasceu da necessidade de um lugar grande o suficiente para acomodar a quantidade de fieis da cidade de Salgueiro, Sé Episcopal, que só tem crescido desde sua escolha como sede do governo diocesano. Atualmente, funciona como catedral a igreja de Santo Antônio, na paróquia de mesmo nome, a primeira erguida na cidade ainda na época de sua fundação.

Os portões da antiga CAGEPE, onde será erguida a catedral, foram abertos um pouco antes das 15h e as apresentações culturais começaram por volta das 16h. O primeiro a se apresentar foi o Pe. Lourival Taveira, administrador paroquial da Paróquia N. Sra. do Perpétuo Socorro em Salgueiro, cantando seu forró pé de serra ao lado do festejado sanfoneiro Herinho Monteiro. Pe. José Barros (Bodocó) também emprestou sua voz, cantando seus sucessos.  Outros artistas de renome como Flávio Leandro, Danilo Pernambucano e Batista Lima arrancaram palmas e vivas da multidão que já se apresentava ansiosa pelo grande momento. Encerrando as apresentações musicais, Pe. Antônio Maria subiu ao palco trazendo seu carisma, empolgação e talento. Pouco antes do início da celebração eucarística, a imagem de Nossa Senhora Aparecida foi acolhida sob muitos aplausos, carregada por vaqueiros, dignos representantes da cultura nordestina, ao som da Ave Maria Sertaneja, na voz de Danilo Pernambucano. A imagem percorreu algumas ruas da cidade em carreata e ficou exposta em lugar digno no presbitério durante toda a celebração.

Sua Excelência Reverendíssima o Núncio Apostólico Dom Giovanni d’Aniello, em Salgueiro desde o dia 09/10, domingo, presidiu a Santa Missa, que teve início por volta das 19h30min, juntamente com Dom Magnus Henrique, bispo anfitrião e os bispos de Crato, Dom Fernando Panico e Floresta, Dom Gabrielli Marchesi. Padres do clero das três dioceses também concelebraram. A multidão acompanhou a renovação do Santo Sacrifício com muita fé e atenção. Terminada a comunhão e proferida a oração pós-comunhão, deu-se início o rito de lançamento da Pedra Fundamental. Dentro dela foram depositadas as cópias da escritura do terreno, da bula papal de criação da diocese, do ritual de bênção da pedra fundamental, um exemplar do Plano Pastoral da Diocese, uma cédula da moeda em circulação atualmente e um jornal com a data daquele dia. Tal procedimento é praxe nesse tipo de cerimônia, pois eterniza a memória do dia em que a primeira pedra foi colocada na edificação deste sonho.

oncluído este ato, o arquiteto responsável pelo projeto da nova catedral, Pe. Silvano Onofre da Diocese de Caruaru, fez uma breve, porém completa, explicação da maquete que contém traços da arquitetura gótica e contemporânea, revelando que sua inspiração foi baseada na Catedral de Petrolina numa homenagem àquela que foi a diocese mãe desta porção, hoje particular, do povo de Deus. O projeto foi aplaudido e muito elogiado pelos presentes tanto por sua grandiosidade como pela beleza. Agora, é a generosidade e a colaboração de todos que farão com que este sonho se torne realidade nos próximos anos. Descontraído, o embaixador papal disse querer estar presente na inauguração da futura Igreja Mãe da diocese, entregue ao patronato da Senhora Aparecida.

Abaixo, entrevistas do Núncio Apostólico, Dom Magnus e Pe. Antônio Maria realizadas pelo repórter Thiago Lima da Rádio Católica Asa Branca AM, acerca da colocação do marco inicial da nova catedral.

Teto do Bradesco de Araripina cai e deixa pessoas feridas

bradescoEm Araripina, parte do teto da Agência Bradesco, desabou na tarde dessa terça-feira (11), 4 pessoas ficaram feridas, mas foram apenas escoriações leves.

Segundo informações de uma das vítimas, foi ouvido um barulho e em seguida o teto desabou, as pessoas ficaram um pouco apavoradas, e ela e outras que estavam no interior da agencia ficaram feridas, mas segundo a mulher, foi apenas um susto e ela e as demais pessoas estão bem, apenas com algumas escoriações.

Todas as outras pessoas que foram vítimas do pequeno desabamento foram atendidas pela equipe do Corpo de Bombeiros e levadas até o Hospital e Maternidade Santa Maria.
Ainda não se sabe o que poderia ter causado esse desabamento.

FIEPE do Araripe abre inscrições para o Programa de Desenvolvimento de Pessoas

FIEPE-ARARIPEA Unidade Regional Sertão do Araripe da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco – FIEPE está com inscrições abertas para o inédito Programa de Desenvolvimento de Pessoas com foco em liderança, processos e resultados: três pilares essenciais para o desenvolvimento das empresas.

A capacitação será dividida em cinco módulos e é especialmente desenvolvida para os executivos que lideram suas empresas além de gerentes e profissionais das áreas de Recursos Humanos, Departamento Pessoal e Gestão de Pessoas  bem como para empreendedores e consultores de negócios que prestam serviços a seus clientes.

O Programa de Desenvolvimento de Pessoas terá duração de 220 horas divididas aos finais de semana (sexta-feira das 18h às 22h e sábado das 08h às 17h) com início no dia 06 de maio. Os inscritos terão a oportunidade de ampliar seus conhecimentos na formação qualificada das pessoas, desenvolver a capacidade para compreender de maneira concreta as situações do cotidiano empresarial e também atualizar-se sobre os conceitos mais modernos da gestão de pessoas.

Os cinco módulos abordados no Programa de Desenvolvimento de Pessoas são: liderança, diretrizes e desafios na organização; gerenciamento de pessoas; mecanismo de retenção de talentos na empresa; entrevista e seleção por competência e administração de pessoal. O Programa foi realizado em 2015 na sede da FIEPE, em Recife e também em Caruaru. Após o sucesso das edições anteriores, a FIEPE, interioriza para as unidades do Araripe e São Francisco.

Pernambuco registra aumento do número de pessoas com vírus H1N1

H1N1

Pernambuco apresenta aumento no número de casos de pessoas infectadas pelo vírus H1N1. Até o dia 26 de março deste ano, o estado registrou 32 pacientes que contraíram a gripe H1N1, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde nesta segunda-feira (4). São 19 confirmações a mais que o informe anterior, divulgado no dia 28 de março.

Dos casos confirmados, oito pacientes estão internados com a chamada Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) ocasionada pelo H1N1. O boletim anterior trazia três casos graves dessa influenza no estado. Outras 24 pessoas com a Síndrome Gripal (SG), que é o quadro leve da gripe, tiveram resultado positivo para a influenza H1N1, 14 confirmações a mais que o último informe.

Apenas neste ano, Pernambuco apresenta 104 casos de SRAG. Em 5 deles, os pacientes chegaram a óbito. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, esses óbitos estão em investigação, “podendo ter sido provocados por diversos vírus, como adenovírus, vírus sincicial respiratório, influenza (A H1N1, AH3 Sazonal, B e vários outros subtipos), parainfluenza (1, 2 e 3), e diversas bactérias, além de outros agentes etiológicos, como fungos”, informa o boletim.

No mesmo período em 2015, 7 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave de causa não especificada tiveram evolução para óbito. Também em igual período no ano passado, foram notificados 194 casos de SRAG e realizadas 157 coletas de pacientes com Síndrome Gripal, mas não houve nenhuma confirmação para a influenza H1N1. (Do G1/Petrolina)