MPPE recomenda que prefeito exonere familiares da Prefeitura de Trindade

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE), através da promotora de Trindade-PE, Dra Luciana Carneiro Castelo Branco, recomendou ao prefeito Everton Costa nesta terça-feira (07) que exonere urgentemente todos os parentes que nomeou no primeiro e segundo escalões da sua gestão.

Na solicitação, o MPPE recomendou que todos os cargos de confiança que são família do Prefeito, da primeira dama, do Vice-Prefeito e de Secretários devem ser exonerados.

O prefeito Everton Costa tem 15 dias para cumprir a recomendação, caso isso não aconteça, o prefeito poderá sofrer ação civil pública de responsabilização pela prática de ato de improbidade administrativa e reclamação perante o Supremo Tribunal Federal (STF).