Projeto Natal Sertanejo pede doações de alimentos para famílias de Ouricuri, Bodocó, Exu, Moreilândia, Timorante e outras cidades do Sertão

Foto: reprodução

O Projeto Natal Sertanejo deste ano está arrecadando alimentos para ajudar sete cidades do Sertão do Araripe, em Pernambuco, e também a Zona Rural de Coremas, na Paraíba. A ação acontece pelo quarto ano consecutivo e a pretensão é conseguir arrecadar 90 toneladas de alimento para a produção de 3.500 cestas.

A iniciativa surgiu da vontade do padre Damião Silva em ajudar as pessoas carentes do Sertão. A ideia mobilizou fiéis interessados em contribuir com o natal de pessoas que por muitas vezes não tem o que comer. “A gente que o Sertão é o mais atingido pela estiagem. Até quando chove não é o necessário para fazer lavouras e essa população que depende disso acaba passando fome”, pontuou o padre que coordena o voluntariado do projeto.

 Ao todo são 60 voluntários que estão arrecadando os alimentos desde o ínicio do ano, e juntos seguirão para a entrega no dia 12 de dezembro. Umas das integrantes da equipe, Tanagra Tenório, está na equipe desde o ínicio. “Na primeira vez levamos de tudo: panela, roupa, brinquedo, comida, água…Mas quando chegamos lá, vimos que eram pessoas tão carentes que a necessidade realmente era a comida”, lembrou Tanagra da ida a Alagoinha em dezembro de 2015, primeiro município a receber a ação.

Neste ano o projeto vai até as cidades de Exu, Moreilândia, Timorante, Serrita, Ouricuri, Granito e Bodocó, em Pernambuco, e a Zona Rural de Coremas, na Paraíba, cidade natal do padre Damião Silva. 

DOAÇÕES

Até o dia 10 de dezembro as arrecadações poderão ser deixadas em estandes no Shopping Guararapes, em Jaboatão dos Guararapes; no Shopping Camará, em Camaragibe; no Shopping Patteo, em Olinda. Além dos malls, as arrecadações também podem ser levadas para a Associação Católica Mãos à Obra, nº1011, em Setúbal, Zona Sul do Recife.

Prefeitura de Santa Filomena realiza 2º Festival de Quadrilha Junina com participação de Ouricuri, Exu, Bodocó e Lagoa Grande

Foto: reprodução

No ultimo sábado (07) a prefeitura municipal de Santa Filomena realizou pelo segundo ano consecutivo o festival de quadrilhas juninas, resgatando a cultura do São João de Santa Filomena.

O evento teve a participação de quadrilhas juninas das cidades de Exu, Bodocó, Ouricuri e Lagoa Grande, que disputaram o premio de 1800,00 mais troféu.

O prefeito Cleomatson recebeu a visita do pré-candidato a deputado estadual Antônio Fernando que fez parte da mesa juntamente com vereadores, vice prefeita e secretários do governo municipal.

A mesa de jurados teve muito trabalho para escolher a grande campeã. Cada apresentação emocionava o público presente que lotou a Praça Gení Lemos de Vasconcelos.

O júri decidiu a seguinte colocação entre as apresentações:

1º Junina Luiz Gonzaga – Exu

2º Junina Pisa na Fulô – Lagoa Grande

3º Arrasta Pé – Bodocó

Também participaram do concurso as quadrilhas juninas, Junina Chapéu de Palha e Baguns’ Art da cidade de Ouricuri.

O arraia Filó Forró também fez a sua apresentação, mas não entrou na disputa pelo premio devido ser a organizadora do evento.

Todas as juninas que se apresentaram receberam das mãos do prefeito Cleomatson um troféu simbólico pela participação no segundo festival de quadrilhas juninas.

Logo após as apresentações a festa ficou por conta do sanfoneiro Jorge do Acordeon. (Da Ascom)

 

Estiagem: Ouricuri, Ipubi, Exu, Bodocó, Trindade e outras 47 cidades na lista em estado de emergência

Decreto, que foi publicado nesta quarta-feira (28), é válido por 180 dias após a data de publicação

Foto: Reprodução

O governo de Pernambuco decretou, nesta quarta-feira (28), situação de emergência em 52 cidades do Sertão do estado devido à estiagem. A determinação, publicada no Diário Oficial do Estado, é válida por 180 dias a partir da data de publicação.

Segundo a administração estadual, o decreto considera que os habitantes dos municípios contemplados “não têm condições satisfatórias de superar os danos e prejuízos provocados pelo evento adverso, haja vista a situação socioeconômica desfavorável da região”. As perdas na agropecuária também foram levadas em consideração, segundo o decreto.

Ainda no texto, as medidas necessárias para combater a situação de emergência nesse grupo de municípios serão adotadas por órgãos estaduais competentes para atuação específica nesses casos. (G1 Pernambuco)

Confira a lista de municípios de PE em situação de emergência:

  • Afogados da Ingazeira
  • Afrânio
  • Araripina
  • Arcoverde
  • Belém do São Francisco
  • Betânia
  • Bodocó
  • Brejinho
  • Cabrobó
  • Carnaíba
  • Carnaubeira da Penha
  • Cedro
  • Custódia
  • Dormentes
  • Exu
  • Flores
  • Floresta
  • Granito
  • Ibimirim
  • Iguaracy
  • Inajá
  • Ingazeira
  • Ipubi
  • Itacuruba
  • Itapetim
  • Jatobá
  • Lagoa Grande
  • Manari
  • Mirandiba
  • Orocó
  • Ouricuri
  • Parnamirim
  • Petrolândia
  • Petrolina
  • Quixabá
  • Salgueiro
  • Santa Cruz
  • Santa Cruz da Baixa Verde
  • Santa Filomena
  • Santa Maria da Boa Vista
  • Santa Terezinha
  • Serra Talhada
  • Serrita
  • Sertânia
  • Solidão
  • Tabira
  • Tacaratu
  • Terra Nova
  • Trindade
  • Triunfo
  • Tuparetama
  • Verdejante

Lucas Ramos garante novas ambulâncias para Exu e Santa Cruz

Os serviços de saúde pública prestados pela prefeitura de Exu, no Sertão do Araripe, ganharam um reforço: já está à disposição do município uma nova ambulância que irá atender a população das zonas urbana e rural. O veículo foi adquirido graças aos recursos provenientes de emenda parlamentar de autoria do deputado Lucas Ramos (PSB).

O veículo é totalmente equipado para prestar atendimento em primeiros socorros, transportar enfermos e até realizar procedimentos simples, como pequenas suturas e imobilizações. O custo para aquisição da ambulância foi de R$ 78 mil.

SANTA CRUZ – Os investimentos em saúde se expandem por todo Araripe. No próximo sábado (23), Lucas Ramos participará da entrega de mais duas ambulâncias para o município de Santa Cruz. (Da Ascom)

Homem é acusado de estuprar a própria neta de 6 anos em Exu

Imagem: Ilustrativa da internet

João Ângelo da Silva, de 51 anos, está sendo acusado de estuprar a sua própria neta em Exu, no Sertão do Araripe. O episódio aconteceu nessa quinta-feira (14) no Sitio Chapada da União, Zona Rural do município.

Segundo a Polícia Militar, uma mulher prestou queixa, de que a sua sobrinha, uma menina de apenas 6 anos, havia sido abusada sexualmente por seu pai, que é avô da vitima.

Ainda de acordo com a PM, a vítima deu detalhes de como seu avô havia lhe abusado.

O acusado foi localizado e detido.

Médica de envolve em acidente fatal na PE 545 em Exu

A médica Iris Gondim Novais, de 27 anos, se envolveu em um acidente fatal na manhã da última sexta-feira (01) na rodovia PE 545 no município de Exu, no Sertão do Araripe pernambucano.

Segundo a Polícia Militar (PM), a médica estava conduzindo um carro e o agricultor, Cicero da Silva, 53 anos, uma motocicleta em sentido contrário, quando ocorreu a colisão frontal entre os veículos. Cicero não resistiu aos ferimentos e morreu.

A médica deu total assistência no caso, acompanhou a vítima até a emergência do hospital de Exu, em seguida, se apresentou á Delegacia de Polícia Civil da cidade para os procedimentos legais.

PM prende acusado de matar homem a facadas em Exu

Policiais Militares do 7º BPM prenderam na tarde dessa quinta-feira em Exu, no Sertão do Araripe, Cicero Sousa dos Santos, de 38 anos. Ele é acusado de ter assassinado  com golpes de faca, Ronaldo Gonçalves dos Santos, de 32 anos, no dia 31 de outubro de 2017 no bairro Nossa Senhora Aparecida em Exu.

O mandado de prisão foi expedido pelo Dr. Matheus de Carvalho Melo Lopes, juiz plantonista na comarca de Ouricuri. Segundo a PM, o acusado foi localizado em uma plantação de coqueiros naquela cidade, e junto a ele foi apreendido o punhal utilizado no crime.

Homem é assassinado a facadas em Exu

Ronaldo Gonçalves dos Santos, de 32 anos foi assassinado a golpes de faca nessa terça-feira (31) em Exu, no Sertão do Araripe pernambucano. O crime aconteceu por volta das 16 horas no local denominada de “Beco” no bairro Nossa Senhora Aparecida.

De acordo com a Polícia Militar, a vítima estava bebendo com outras três pessoas quando foi iniciada uma discussão com Cícero Souza dos Santos, 38 anos. Cícero foi apontado como o autor das facadas. Após o crime ele fugiu e ainda não foi encontrado.

O corpo de Ronaldo foi levado para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Petrolina, no Sertão do São Francisco.

Pipeiros fazem protesto na PE-545 em Exu

Na manhã dessa quarta-feira (18) um grupo de “pipeiros” que faz o abastecimento na zona rural do município do Exu, no Sertão do Araripe pernambucano, realizaram um protesto com barricadas de pneus e interditaram a PE-545, na entrada da cidade.

O protesto começou por volta das 9:45h da manhã e durou cerca de 2 horas. Durante o ato, os manifestantes soltaram fogos, queimaram pneus e usaram carro de som para cobrar seus direitos.

Segundo a categoria, as reivindicações são: pagamento em dia e o ressarcimento de um desconto que veio na folha de pagamento, que, para eles, foi um absurdo. Os “pipeiros” disseram pra nossa equipe que, alguns deles tiveram quase cinco mil descontados.

Ainda segundo eles, os responsáveis pelo pagamento não deram explicação sobre o desconto, uma vez que, o G-pipa marcou corretamente a distribuição da água para a população.

A tráfego ficou parado nos dois sentidos da rodovia. Os “pipeiros” afirmaram que não voltarão a trabalhar enquanto a situação não for regularizada.

Cautelar suspende pagamentos a empresa de limpeza urbana em Exu

Medida Cautelar expedida monocraticamente pela conselheira Teresa Duere, relatora do município de Exu, determinou ao prefeito que se abstenha de efetuar pagamentos referentes à contratação de empresa especializada em serviços de limpeza urbana, recuperação e operação de aterros, coleta seletiva de recicláveis e operação de unidades de reciclagem e compostagem no município, no valor estimado de R$ 3.000.000,00.

A decisão foi tomada após relatório técnico da Gerência de Auditoria de Obras Municipais, integrante do Núcleo de Engenharia do TCE, que apontou irregularidades na Concorrência nº 09/2017, realizada pela prefeitura para contratação da referida empresa.

ANÁLISE – Os trabalhos de análise do edital foram iniciados em maio deste ano. Na ocasião, a equipe técnica do TCE identificou vários problemas no edital, tais como ausência das composições de custos detalhadas dos serviços, divergências entre informações em vários documentos fornecidos e falta de clareza na definição do serviço a ser executado, que comprometeriam o fornecimento de propostas por parte dos licitantes e, consequentemente, a viabilidade do certame.

Devido às falhas apontadas, a prefeitura de Exu autorizou a revogação do processo licitatório e se comprometeu a fazer as devidas correções. No entanto, sem responder aos esclarecimentos solicitados pelos técnicos do Tribunal, publicou um novo edital no mês de agosto, desta vez, com cláusulas restritivas à competitividade, além de insuficiência do projeto básico e composição de custos.

Acompanhando as publicações nos diários oficiais, os auditores verificaram que no dia 06 de setembro passado a prefeitura divulgou o resultado da concorrência, sendo a empresa vencedora a TRANSURB LTDA –,  contratada no  valor total de R$ 2.945.428,80.

Após análise da licitação, os técnicos constataram indícios de direcionamento e favorecimento da citada empresa, cujo representante é primo do prefeito. Segundo os auditores, a TRANSURB LTDA –  foi constituída em janeiro de 2017, apenas 21 dias antes da posse do atual prefeito e que, apesar de prestar serviços à prefeitura desde o início da gestão, funcionava de forma irregular, sem empregados, tampouco veículos registrados em seu nome.

Diante das irregularidades identificadas, a equipe solicitou à conselheira relatora a expedição da Cautelar suspendendo os pagamentos do contrato, até entendimento final do Tribunal sobre os fatos. Teresa Duere determinou também a formalização de um processo de Auditoria Especial para aprofundar a análise em questão.

A Medida Cautelar foi homologada pela Primeira Câmara, em sessão realizada nesta quinta-feira.