Odacy Amorim fecha parcerias com prefeitura de Ouricuri e Afrânio para colocação de cintas luminosas em animais soltos nas estradas

O deputado estadual Odacy Amorim (PT) fechou, no ultimo final de semana, importantes parcerias com as prefeituras de Afrânio e Ouricuri para colocação de cintas luminosas em animais soltos nas estradas sertanejas. O objetivo do projeto é permitir a identificação dos animais ainda numa distancia segura, possibilitando que o condutor evite a colisão e preserve a vida humana e animal.

O parlamentar ressaltou a importância da iniciativa, e agradeceu aos prefeitos parceiros pelo apoio:

Trata-se de uma iniciativa simples, mas extremamente importante, que irá preservar muitas vidas. Só quem percorre as estradas sertanejas é que sabe o perigo que enfrenta. Se conseguirmos, através deste projeto, salvar ao menos uma vida, tudo já terá valido a pena. Agradeço aos prefeitos Rafael Cavalcanti e Ricardo Ramos pelo apoio, e iremos, com certeza, em busca de novas adesões ao nosso projeto.”

Odacy tem atuado nos últimos anos para tentar diminuir os acidentes ocorridos nas estradas sertanejas. Em 2013, através da criação do Parque Ecológico de Proteção ao Jumento, houve uma redução de mais de 80 % na ocorrência de acidentes envolvendo animais. (Da Ascom)

Agência Estadual de Meio Ambiente apreende armas, madeira ilegal, caminhão e animais no Sertão do Araripe

Com três equipes agindo ao mesmo tempo, reunindo os setores de fiscalização industrial, florestal e da fauna, a Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH) promoveu, esta semana, uma ampla ação ambiental no Sertão do Araripe.  Em operação iniciada na segunda (6) e que prosseguiu até a manhã desta sexta (10), 262,5 metros de madeira ilegal, 198 animais silvestres – a maioria aves, vítimas do tráfico, algumas em risco de extinção ­­–, oito espingardas e dois caminhões foram apreendidos; sete calcinadoras (fábricas de cal e gesso) com problemas de operação foram intimadas e terão prazo para se regularizar; e uma rinha de briga de galo, com 18 animais vítimas de maus-tratos, foi desativada. Ao todo, as multas aplicadas somam R$ 77.300,00 mil.

Batizada de Operação Lenha Branca, em referência à madeira e ao pó presente nas fabricações de gesso, a ação teve o apoio de policiais da Companhia Independente de Policiamento do Meio Ambiente  (Cipoma) e da Polícia Militar de Ouricuri e Araripina. Foram percorridos principalmente os municípios de Ouricuri, Trindade, Exu, Ipubi e Araripina, com intervenções pela manhã, tarde e noite. A apreensão das armas, um apoio direto ao Pacto pela Vida, ocorreu durante abordagens nas zonas rurais.

A rinha para briga de galo que foi desativada funcionava em área rural do município de Ipubi. Na ação, além das imagens degradantes do local, com algumas penas soltas e marcas de confrontos em suas paredes, os agentes ambientais constataram outros sinais de maus-tratos aos animais, que encontravam-se sem água e comida, provavelmente por dias seguidos. A multa aplicada foi de R$ 5 mil. No local também foram apreendidos 30 pássaros em cativeiro.

Ao longo dos cinco dias da operação, foram fiscalizados inúmeros empreendimentos. Por falta de licença de operação (LO) e/ou por estoque de madeira ilegal, sete das 25 calcinadoras fiscalizadas foram intimadas pelos agentes ambientais e terão que se regularizar ou serão fechadas. Em toda a ação, foram abordados 28 caminhões. Parte da madeira apreendida era transportada em dois deles que saíram do Piauí com destino ao município de Trindade, um com o DOF (Documento de Origem Florestal) inválido e outro sem o documento, necessário para o registro de madeira legal.

A operação também apurou denúncias de desmatamento em regiões do Araripe, mas não se constatou a prática de infrações nos locais denunciados. (Do JC Online)

Mais de 80 animais são recolhidos de rodovias e trazidos para Ouricuri

prf-animais

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) recolheu 82 animais que estavam soltos às margens de rodovias que cortam o Sertão Pernambuco, entre a terça-feira (13) e a quinta-feira (15). O resultado faz parte da Operação Temática de Recolhimento de Jumentos e outros Animais (OTEJUME II), desenvolvida em parceria com as prefeituras locais.

Durante a ação, os policiais contaram com o apoio de dois laçadores e recolheram principalmente jumentos e cavalos que estavam soltos às margens das BRs 316, 232, 428 e 116, que cortam os municípios de Salgueiro, Parnamirim, Ouricuri, Trindade, Cabrobó e Belém do São Francisco. Os animais foram colocados no caminhão boiadeiro da PRF e encaminhados para um curral em Ouricuri, onde recebem tratamento e alimentação.

Quem deixa animais soltos na rodovia expõe a vida de pessoas a um perigo iminente, e pode ser enquadrado no artigo 132 do Código Penal, que prevê pena de três meses a um ano de detenção. O proprietário também pode responder pelo artigo 31 da Lei das Contravenções Penais, que trata do abandono de animais na via pública. No caso de acidente com morte, o proprietário ainda pode responder criminalmente pelo fato.

Ao avistar animais na pista, recomenda-se reduzir a velocidade do veículo e ficar atento aos demais veículos que transitam pela rodovia. Buzinas ou faróis altos devem ser evitados para não assustá-los e, assim que possível, deve-se entrar em contato com a PRF através do telefone 191. (Da Folha PE)

Prefeitura de Trindade fortalece fiscalização de animais soltos nas ruas

animaissoltos

Através de comunicado, a Prefeitura Municipal de Trindade através da Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento, comunica à população trindadense que estará efetuando uma operação visando a minimização e erradicação de animais de qualquer espécie transitando nas rodovias, vias públicas e ou nas proximidades urbanas.

A prefeitura solicita dos criadores de animais que se encontram nessa condição, o seu imediato recolhimento no máximo dia 20 de maio do corrente ano, ao tempo em que comunica que a partir do dia 21 estará iniciando uma operação de prisão desses animais, que serão conduzidos ao Parque Municipal, e ficará durante 04 dias aguardando seus responsáveis. Cuja soltura só ocorrerá mediante o pagamento de multa, também prevista em Lei.

Vereador Dida solicita apreensões de animais soltos em Ouricuri

download

Na última terça-feira (26), na sessão ordinária em Ouricuri, o vereador Dida apresentou indicação solicitando ao prefeito Cezar de Preto e o secretário Juvenal, que sejam tomas as providências, no sentido de apreender os animais da cidade e periferia que são soltos à noite. Segundo o vereador, os animais vêm prejudicando a trafegabilidade do trânsito da cidade e danificando as plantas.

“Esses animais vêm causando acidentes com vítimas fatais. Seria muito bom se pelo menos duas vezes por semana, se fizesse busca e apreensão desses animais, para trazer mais segurança aos que trafegam nessas localidades”, disse Dida.

Para finalizar, o parlamentar citou uma denúncia feita por uma moradora em um programa jornalístico da cidade, onde ela expõe sua indignação a respeito de animais que se encontram em currais passando cede e fome, ele completou dizendo: “não podemos aceitar isso, esses animais devem ser criados em locais apropriados, isso é inadmissível”, acrescentou preocupado.

Ainda sobre este assunto, Maria Rodrigues dos Santos, da Rua da Solta no bairro Alto Paraiso, procurou a redação do programa e lamentou a situação da Avenida Airton Sena, como também da cidade por completa, especialmente no tocante ao grande número de animais soltos na zona urbana de Ouricuri.

“Aonde a gente anda só é animal solto, está parecendo a feira do gato de Ouricuri. A cidade está abandonada, os animais que estão tomando de conta”, disse espantada.

Para completar, a moradora disse que aprova a indicação do parlamentar, pois os animais estão em todos os lugares, a população estão correndo risco de acidentes. “Aquela pista parece que nunca vai ser terminada, só queria que entrasse um filho de Deus nessa prefeitura, que tivesse coraje de terminar a pista”, finalizou.