Pernambuco tem 448 homicídios em janeiro, 6,1% a menos do que em 2017

O número de homicídios registrados em Pernambuco no mês de janeiro deste ano foi 6,1% menor do que no mesmo mês de 2017. Foram 448 mortes contra 477 no ano passado. O balanço foi divulgado nesta segunda (15), pela Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS), que também anunciou um reforço nas investigações desses casos com os novos delegados contratados. São 25 a mais nas delegacias de homicídios, um aumento de 119%.

Conforme o órgão, em janeiro de 2018, um dos indicadores que mais contribuiu para a redução foi o de latrocínios, que representaram uma redução de 35,9%, passando de 17 para 11 ocorrências. A SDS destaca a queda nos índices em Caruaru, no Agreste, que recebeu um batalhão novo da Polícia Militar no ano passado. Foram 19 assassinatos na cidades contra 43 no mesmo período do ano passado, uma queda de 56%.

Apesar dos constantes casos de mulheres assassinadas, o balanço indica uma redução de 66,6% nas ocorrências de feminicídio: três em janeiro deste ano contra nove em janeiro de 2017. Já os registros de estupro tiveram uma redução de 13,13%: de 198 ocorrências para 172 em todo o Estado.

REFORÇO

A SDS informa que o combate aos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) está sendo reforçado, com a ampliação dos delegados que investigam esses crimes, que totalizarão 46. Com isso, o número de resolução de inquéritos deve ser ampliado.

Estamos confiantes no trabalho desses 25 delegados que chegam às Divisões Norte e Sul de Homicídios, na Região Metropolitana do Recife, ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), na Capital, Caruaru, Santa Cruz do Capibaribe, Araripina e Arcoverde. É importante lembrar que, em 2017, 2.249 homicidas foram presos pelas polícias de Pernambuco e, somente em janeiro de 2018, já são 130 capturados”, salienta o secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua. (Do JC Online)