Em Pernambuco, IPVA vai subir entre 5% e 8%

O valor do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) pago pelos pernambucanos no ano que vem irá sofrer um reajuste de 5% a 8%. Assim como aconteceu neste ano, o calendário de cobrança será iniciado em fevereiro para todas terminações de placas, mudando apenas a data de vencimento. Para quem optar pelo pagamento em cota única, o desconto dado também será mantido, ficando em 7%.

A expectativa é arrecadar acima do valor de R$ 1 bilhão registrado nos últimos anos. O percentual exato de reajuste irá variar de acordo com o modelo do veículo, seguindo as referências da Tabela Fipe. Os prazos irão do dia 19 ao dia 28 (confira na arte ao lado) para todos os 2,9 milhões de veículos do Estado. (JC Online)

Sistema Indústria apresenta resultados na região do Araripe em 2017

O Sistema Indústria formado pela FIEPE, SESI, SENAI e IEL, apresentou nesta quarta-feira (13), em Araripina, no Sertão do Araripe, um balanço das atividades realizadas em 2017 para a indústria da região e também o resultado de um estudo realizado pelo SESI sobre amostras de poeira no polo gesseiro.

A reunião teve a presença de representantes do Sindusgesso, do Ministério do Trabalho, da Vara do Trabalho de Araripina, do Sebrae e do Sistema Indústria, além de empresários do polo gesseiro que foram ouvir atentamente os resultados do estudo realizado nas indústrias.

De acordo com Albério Calado, engenheiro do SESI, os resultados mostram uma evolução nos índices de modo a garantir a segurança e saúde do trabalhador das indústrias do polo.

Para Alba Núsia, o encontro com empresários e o Sistema Indústria reforçou novamente o compromisso das instituições em apoiar o setor industrial promovendo atividades que ajudem os empresários a desenvolver todo o potencial econômico da região.

Segundo Francisco Alves, diretor da Unidade Regional do Araripe da FIEPE, o ano de 2017 foi de muitos avanços com a presença da Federação atuando na interlocução junto aos setores produtivos. Ele também destacou o movimento crescente de união dos empresários através de ações de associativismo que darão ao polo gesseiro um novo horizonte a partir de 2018.

Petrobrás anuncia novo aumento na Gasolina e no Diesel

A Petrobras anunciou nesta segunda-feira, 11, que vai aumentar o preço do diesel e da gasolina. A partir dessa terça-feira (12), o valor cobrado nas refinarias sofrerá elevações de 1,8%, no diesel, e 1,4% na gasolina. Esse é o nono aumento semanal seguido anunciado pela empresa. Na última sexta-feira, 8, a empresa já havia informado aumentos nos combustíveis que passaram a valer no sábado, 9.

Novo formato

O anúncio constante de aumentos nos preços faz parte da nova política de preços da Petrobras. Anunciado há alguns meses, o método aumenta e reduz os preços quase diariamente, com o objetivo de acompanhar a cotação de mercados internacionais e evitar prejuízos e grandes aumentos. A empresa ressalta que a decisão de repassar os valores ou não ao consumidor é de cada um dos postos. Desde o início desse tipo de cobrança, a gasolina já aumentou 24,11% e o diesel 18,08%.

Botijão de gás sofre mais um reajuste de 8,9% nesta terça-feira (05)

A Petrobras informa que reajustou os preços do gás liquefeito de petróleo para uso residencial, envasado pelas distribuidoras em botijões de até 13 kg (GLP P-13), o gás de cozinha, em 8,9%, em média. O reajuste entra em vigor na terça-feira (5).

Segundo a estatal, o reajuste foi causado principalmente pela alta das cotações do produto nos mercados internacionais, que acompanharam a alta do Brent.

Como a lei brasileira garante liberdade de preços no mercado de combustíveis e derivados, as revisões feitas nas refinarias podem ou não se refletir no preço final ao consumidor. Isso dependerá de repasses feitos especialmente por distribuidoras e revendedores”, diz a estatal.

O ajuste anunciado foi aplicado sobre os preços praticados sem incidência de tributos. Se for integralmente repassado aos preços ao consumidor, a companhia estima que o preço do botijão de GLP P-13 pode ser reajustado, em média, em 4,0% ou cerca de R$ 2,53 por botijão, isso se forem mantidas as margens de distribuição e de revenda e as alíquotas de tributos.

A empresa lembra que o último reajuste ocorreu em 5 de novembro de 2017.

A alteração atual não se aplica ao GLP destinado a uso industrial/comercial. (Estadão Conteúdo)

Município de Ouricuri receberá mais de R$ 723 mil de apoio financeiro em dezembro

Durante audiência realizada no último dia 22, entre o presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, e o presidente da República, Michel Temer, os prefeitos conseguiram um apoio financeiro no valor de R$ 2 bilhões neste fim de ano. Desse montante, o município de Ouricuri vai receber cerca de R$ 723.677,34. A CNM fez o cálculo de quanto cada município deve receber do Aporte Financeiro aos Municípios (AFM), que será repassado pelo Governo Federal em dezembro.

O valor será transferido sobre a forma de Participação dos Municípios, mas o recurso é bruto, sem incidência do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

Tarifa de energia cai em dezembro, mas bandeira continua vermelha

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou nesta segunda-feira (27) o acionamento do primeiro patamar da bandeira tarifária vermelha para dezembro, com acréscimo de R$ 3,00 a cada 100 quilowatts-hora (KWh) consumidos, depois de dois meses com o acionamento da bandeira vermelha no patamar 2. O acionamento do patamar 1 foi possível devido à uma “pequena evolução na situação dos reservatórios das usinas hidrelétricas em relação ao mês anterior”, de acordo com a Aneel.

Considerando o preço de liquidação das diferenças (PLD, preço referência das operações do mercado à vista de energia) desta semana, de R$ 208/MWh em todo o país, havia a possibilidade de acionamento da bandeira verde em dezembro, se as regras anteriores ainda estivessem em vigor.

Até outubro, as bandeiras tarifárias eram acionadas de acordo com o custo máximo de operação do sistema (CMO), que é semelhante ao PLD. A bandeira era verde até o custo de R$ 221,28/MWh.

Desde 24 de outubro, porém, a Aneel propôs uma alteração na metodologia das bandeiras, a fim de que o mecanismo também incorpore a situação dos reservatórios das usinas.

A proposta de mudança ainda está em audiência pública, mas as mudanças já estão em vigor desde novembro. (Valor Econômico)

Petrobras anuncia novo reajuste na gasolina; preço sobe 7% em dois dias

Petrobras anunciou uma alta de 1,9% nos preços da gasolina em suas refinarias para a partir da sexta-feira (24), após alta de 5,1% nas cotações autorizada na véspera que entrou em vigor nesta quinta-feira (23), de acordo com informações no site da companhia.

As altas, que somam cerca de 7% em dois dias, vêm em meio a uma nova política de preços da estatal que prevê mudanças até diárias das cotações, em um momento em que a companhia tem prometido praticar preços alinhados ao mercado internacional e ao mesmo tempo se esforça para evitar perda de participação no mercado doméstico de combustíveis.

Já os preços do diesel serão reduzidos em 0,3% nas refinarias da Petrobras a partir da sexta-feira. Na véspera a companhia havia anunciado um aumento de 0,2% do diesel válido a partir desta ontem. (Terra)

Prefeito de Ipubi determina contenção de gastos aos secretários e diretores

Com o objetivo de cumprir o calendário de pagamento da folha mensal e da 2º parcela do 13º salário dos servidores municipais, o prefeito de Ipubi Chico Siqueira (PSB) determinou aos secretários, diretores e ordenadores de despesas a contenção imediata dos gastos. A decisão foi tomada após ser constatada uma nova queda nos repasses do Governo Federal ao município.

A determinação foi divulgada através das redes sociais do chefe do executivo. “Para assegurar o cumprimento do nosso calendário de pagamentos, determinei na última quinta-feira (16) a todos os secretários municipais, diretores e ordenadores de despesas a contenção imediata de gastos, uma vez que constatamos mais uma queda nos repasses do Governo Federal à Prefeitura de Ipubi”, postou Chico Siqueira.

Segundo ele, foi através do planejamento estratégico e de medidas incisivas como esta que hoje Ipubi é um dos poucos municípios do Sertão de Pernambuco que está em dias todas as contas e que se destaca ainda por ter quitado o pagamento de 1/3 de Férias logo no primeiro trimestre e por ter antecipado 50% do Décimo Terceiro Salário a todos os servidores no mês de aniversário, como forma de incentivo.

Até o dia 20 de dezembro, a Secretaria Municipal de Administração e Finanças quitará o pagamento do décimo e, a folha do mês será paga até o último dia útil do mês.

Socorro Pimentel defende fim dos simuladores em autoescolas

O uso de simuladores em aulas de direção nas autoescolas – obrigatório desde o início do ano – motivou pronunciamento da deputada Socorro Pimentel (PSL) durante a Reunião Plenária dessa segunda (20). Para a parlamentar, a exigência não melhorou a preparação dos motoristas e tem gerado custos desnecessários aos candidatos a obter a Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Socorro Pimentel apresentou números do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE) que indicam a ineficiência da obrigatoriedade. Até outubro deste ano, foram consideradas inaptas 69% das pessoas que se submeteram ao exame para a categoria B da CNH – destinada a condutores de carros de passeio. Em 2016, em comparação, foram 60% os candidatos reprovados.

“Facilmente, constatamos ser desnecessário o uso do simulador”, disse a deputada, acrescentando que decisões judiciais já suspenderam a exigência dos equipamentos em Alagoas e em Rondônia, por obrigar o consumidor a pagar por serviços sem eficácia comprovada. O aluguel das máquinas, apontou a parlamentar, custa às autoescolas cerca de R$ 3 mil mensais, o que encarece o valor cobrado dos alunos pelo curso de formação.

A questão aguarda pronunciamento de instâncias superiores da Justiça, lembrou Pimentel, defendendo a atuação do Ministério Público Federal em Pernambuco para interromper a vigência da obrigatoriedade dos simuladores também no Estado. “Isso proporcionaria sensível economia aos cidadãos pernambucanos”, pontuou. (Da Ascom)

Petrobras anuncia quedas de 3,80% no preço da gasolina e de 1,30% no diesel

 

A Petrobras anunciou um novo reajuste para os combustíveis, com queda de 3,80% no preço da gasolina nas refinarias e recuo de 1,30% no preço do diesel. Os novos valores valem a partir da sexta-feira, dia 17.

A nova política de revisão de preços foi divulgada pela petroleira no dia 30 de junho. Com o novo modelo, a Petrobras espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores.

Em vez de esperar um mês para ajustar seus preços, a Petrobras agora avalia todas as condições do mercado para se adaptar, o que pode acontecer diariamente.

Além da concorrência, na decisão de revisão de preços, pesam as informações sobre o câmbio e as cotações internacionais. (Revista Veja)